Enter your keyword

Você sabe o que é e para que serve o inventário de estoque?

Você sabe o que é e para que serve o inventário de estoque?

Você sabe o que é e para que serve o inventário de estoque?

Você sabe exatamente quais e quantos produtos existem no estoque da sua empresa? Ter conhecimento dessas informações é essencial para o seu crescimento. Para fazer esse acompanhamento da entrada e saída de produtos, é necessário fazer o inventário de estoque.

Mas o que é um inventário de estoque?

É a processo de identificação, classificação e contagem dos produtos no estoque para conferir se estão de acordo com o que consta no registro de entrada e saída de mercadorias.

Para o que serve?

Por meio dele, você saberá quais produtos estão em falta, quais estão danificados ou vencidos e os itens que ficaram sem uso (também chamado de estoque obsoleto). Além disso, a prestação de contas junto ao Fisco envolve a declaração de bens em estoque. Se sua empresa não sabe quanto tem estocado, você pode acabar fornecendo informações erradas, o que pode levar à aplicação de multas!

Como fazer?

Para que esse processo seja bem-sucedido, siga os seguintes passos:

Defina a periodicidade

O inventário pode ser rotativo (frequência predeterminada, ex.: diário, semanal, quinzenal) ou periódico (realizada ao final de um período determinado pela empresa). Para isso, leve em consideração a dinâmica e a logística da sua empresa. Ao escolher dia exato da contagem, dê preferência para datas que não terão muito movimento na empresa como feriados ou finais de semana.

Comunique os funcionários

Não deixe de informar seus funcionários sobre o início da contagem, o cronograma de execução, a importância do processo e os cuidados necessários para garantir o sucesso dos resultados. É importante ressaltar que nenhuma movimentação de estoque deve ser feita até que o trabalho seja finalizado.

Separe e organize os produtos

Faça uma lista contendo todos os tipos de produtos que existem no estoque, separando por categorias e especificando as características de cada um, como: peso, tamanho, cor, voltagem, assim como preços de custo e venda. Isso irá otimizar o tempo do trabalho e garantir uma contagem correta. Se necessário, monte novas prateleiras, armários ou caixas para ajudar na separação.

Crie um código para cada tipo de produto

Os códigos representam a maneira mais fácil e prática de identificar um produto, evitando erros na hora registrar a movimentação do estoque. Ele pode ser numérico, alfanumérico (letras e números) ou o próprio código de barras que vem nas embalagens. O importante é que ele seja único para cada produto!

Faça a contagem

Conte cada um dos produtos, some as unidades guardadas em caixas e, para diminuir as chances de erro, faça uma recontagem! Se os números não forem iguais na segunda vez, é necessário refazer.

Ao final dessa etapa, você poderá ver o valor total investido em cada tipo de produto e também o valor que está no seu estoque.

Mantenha seu inventário atualizado

Ao finalizar a contagem, atualize seu sistema ou sua planilha de controle de estoque com os dados que você levantou. Para que ele se mantenha atualizado, não esqueça de sempre lançar os produtos que chegam e dar baixa em tudo que sai!

E depois?!

Com todas essas informações em dia, seu inventário de estoque estará pronto para te fornecer informações que facilitarão a gestão da sua empresa, especialmente do setor financeiro. Evite adiar essa tarefa pois, além de te auxiliar na gestão, uma consulta errada no estoque pode desencadear uma série de problemas!

Fale com seu contador!

Entre em contato com um profissional de contabilidade e saiba como iniciar esse processo na sua empresa. Precisando fale conosco, será uma satisfação atende-lo!

 

No Comments

Post a Comment

Your email address will not be published.

%d blogueiros gostam disto: